16 de set de 2015

(Crítica ao filme) Cinquenta tons de Cinza

Olá, leitores.

Como vão?
Hoje venho fazer algo que havia prometido há algum tempo. Disse que assim que lesse Cinquenta Tons de Cinza, iria assistir a adaptação cinematográfica e fazer uma crítica em relação a ela, isso tudo, sobre o livro e o filme estariam em um post só, mas, o post do livro, incluindo resenha, opinião e nota, foi um pouco maior do que imaginava, então decidi fazer um específico para a crítica do filme.
Antes de tudo, lembrem-se a crítica do filme será baseada na MINHA opinião, e mesmo que discordemos de opiniões, não devemos julgar, ou fazer qualquer outra coisa. Apenas, aceitar.

Então, vamos lá?


(Crítica ao filme) Cinquenta Tons de Cinza 



Sobre o elenco do filme:



Dakota Johnson, como Anastasia foi uma escolha muito bem feita, acredito eu, foi particularmente muito bem como uma Submissa que não queria realmente ser um Submissa.

Jamie Dornan, interpretando Christian Grey em alguns momentos deixou a desejar, não em relação ao ator em si, mas nas cenas de sexo, entre Christian e Anastasia, que no livro é tratada como extremamente excitante e prazeroso. 

Eloise Mumford, como Katherine, amiga de Anastasia, particularmente detestei a atriz, não por fazer um péssimo trabalho, mas acho que não foi muito bem escolhida, e também pelo fato de que não imaginava Kate dessa maneira, já que no livro ela é bem mandona e defensora da Ana contra Christian, enquanto no filme, ela pouco se importa. Pontos negativos para isso, os diretores podiam ter explorado melhor essa parte do livro, acrescentando, mesmo que um pouco, mais à personalidade de Kate, para que não ficasse tão "coadjuvante" como ficou no filme.

Quanto ao resto do elenco, achei aceitável.

Cenas de sexo:

"Eu não faço amor. Eu fodo. Com força."


Acreditem quando lhes digo que fui muito crítico em relação as cenas de sexo, digo que algumas foram bem fiéis ao livro, outras, nem tanto, O que me decepcionou mais uma vez, e novamente os diretores deviam ter explorado melhor e detalhado mais, como no livro nos mostra, já que com essas cenas, o filme foi para maiores de dezoito anos, acho que as cenas realmente deveriam ter ficado melhores.Mais fortes.

A relação de Christian e Anastasia no livro, é em cada momento uma coisa: ora engraçada, ora prazerosa, ora sombria. Outra coisa que me afetou negativamente foi o fato de que Christian teve sua personalidade reduzida do livro, onde também é irônico e sarcástico, duas coisas que somente acrescentariam ao filme, se tivessem sido exploradas mais. 

Em relação à tudo desse gênero do filme, somando tudo, acrescentando umas coisas adicionadas, retirando das cenas importantes que não tiveram, as cenas de sexo foram boas, mas para mim, foram como "sexo baunilha", todas.


Conclusão:

"Elevadores tem climas estranhos."


O filme teve sim algumas cenas que eu gostaria de ver, retiradas, assim como algumas que eu não esperava, acrescentadas. Algumas coisas faltaram, me deixando um pouco decepcionado. Outras, acrescentadas, me deixaram surpresos, considerando o fato de que esperava uma adaptação fiel ao livro. Eu, particularmente, gostei do filme. Mesmo que as personalidades de todos personagens (exceto Anastasia, que foi incrivelmente bem feita) deixaram a desejar, inclusive do próprio Cinquenta Tons, mas em soma, foi bom. (Depois das adaptações de Percy Jackson, nenhuma outra me decepciona). É um filme que chamou muito a atenção das pessoas, positiva e negativamente, por tratar de um homem "bater" em uma mulher para se satisfazer, várias piadas foram feitas relacionadas à isso, mas acredito que poucos entenderam o que realmente o filme, ou o livro, nos motra. Não é um homem agredindo um mulher, violando a Maria da Penha, tampouco uma coitada de uma mulher indefesa, sem escolha, tomando umas palmadas, NÃO. O filme trata de sexo, de uma forma mais exótica do que as pessoas estão acustumadas a ver. 

Incrível, não é?

Como diferença causa polêmica.

E tenho um ponto mega positivo em relação ao filme, o final do livro, me foi incrivelmente previsível, mesmo assim, não deixei de ficar abalado, mas o filme, confesso que, me abalou mais. O filme acabou em uma cena, onde acreditava que teria uma cena posterior, e isso me deixou COMPLETAMENTE ansioso pela continuação do livro, e do filme, Cinquenta Tons Mais Escuros. Espero logo poder ler.




Apesar do filme não ser completamente fiel, em si, é bom, e se você leu o livro, e ainda não assistiu o filme, assista e volte para esse post, e veja se concorda comigo, se já assistiu, espero que concordem comigo, caso contrário, comentem o que acharam do filme. Opiniões, não SPOILERS!




Galera, espero que tenham gostado do post, digam o que acharam. Conforme for, farei mais posts desses, criticando filme, positiva ou negativamente, das adaptações dos livros que já li. Então. podem esperar mais críticas cinematográficas por aqui, porque terá.

Com carinho,

Weasleyzinho.



4 comentários:

  1. Olá, adorei seu post, pra ser verdadeira ainda não tive "coragem" de ver ao filme não pelo assunto porque li os livros e gostei mas sim pelas criticas negativas que ouvi sobre ele mas confesso que sua critica me deixou um pouco mais curiosa sobre o filme.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu gostei mais do filme do que do livro, acredita?!
    Bom, na verdade, não gostei muito do livro rs... agora o filme achei melhor, ao contrario de muitas pessoas...
    Beijos
    Dri

    ResponderExcluir
  3. Fiquei sabendo dessa polêmica aí kkk só sabendo mesmo. Porque não vi o filme e nem li.. E nem tenho vontade. Não curto esse gênero :(

    Bjo!
    Um Amor de Livro

    ResponderExcluir
  4. sério, quando li o livro não tive vontade de continuar,o filme nossa nem fala. Odiei a adaptação, pra mim uma das piores.
    beijos

    ResponderExcluir