9 de jul de 2015

Resenha: Cidade das Almas Perdidas

Olá, leitores.

Qual a leitura atual de vocês?



Hoje vou fazer resenha da minha última leitura, e do quinto livro, da série Instrumentos Mortais: Cidade das Almas Perdidas.
Após a resenha, darei uma nota de 0 à 5 estrelas, e também, uma breve conclusão, opinando sobre o que achei do livro (sem spoilers)

●Resenha:


Como quem leu Cidade dos Anjos Caídos, sabe que Jace e Sebastian estão ligados entre si. Se Jace sofre, Sebastian também,  vice versa.
Jace está desaparecido, e a última vez que o viram foi na noite em que ele estava no telhado com o corpo de Sebastian, e depois desaparecera, ambos.
A Clave têm mantido como prioridade encontrar Jace, fazendo o máximo para sequer o rastrear, também à Sebastian. Mas, eles não estão conseguindo, de alguma maneira, eles não podem ser rastreados, presumem que eles viajem entre dimensões para evitar que sejam encontrados.
Isabelle e Alec, ambos fazem buscas pelo irmão de criação, mas sem nenhum sucesso.
Clary está furiosa pela Clave impedir de procurar Jace, logo a pessoa que mais o ama... Clary começa a se perguntar o porquê de Jace estar com Sebastian, surgindo dúvidas.
Desesperada, Clary, Alec, Simon e Isabelle, juntos, tem uma ideia, a quem recorrer ajuda, à Rainha Seelie. Mesmo sabendo que o povo das fadas não são de confiança, Clary vai atrás da rainha, que promete que rastreará Jace com todas as forças, em troca de um favor, claro, Clary terá de roubar... o Instituto.
Clary, na tentativa de roubo, na biblioteca do Instituto, se surpreende ao ver, que Jace e Sebastian entram lá, sem nenhum sacrifício. Apavorada, Clary não sabe o que fazer. Mas tem uma surpresa ainda maior: Jace está sorridente, Jace está feliz, mesmo longe dela e da família.
Todos receosos com a aparição de Sebastian, tentam deduzir quais seus próximos passos, e qual o motivo de querer Jace -que o matou- ao seu lado. Mesmo furiosa, Clary ainda não consegue de deixar de sonhar com Jace, com eles felizes, juntos mais uma vez, e em uma das vezes, o sonho se torna realidade.  Jace e Sebastian vêm buscá-la.
E a dúvida surge na cabeça de Clary: seguir o coração ou a razão?

●Nota: 

☆☆☆☆/★★★★★ (4/5)

●Conclusão:

Cassandra Clare, como sempre, sabe como surpreender, e esse livro, com aproximadamente 500 páginas foi lido em menos de dois dias, com a escrita envolvente, e com uma história que deixa dúvidas no ar, e como sempre, um final surpreendente, apesar de ter amado o livro, teve alguns pontos negativos, como Clary estar um pouco chata, sendo impulsiva, Jace estar incrivelmente sem graça, e em outros pequenos pontos, algumas partes me deixaram louco, um certo personagem perdeu uma coisa que me fazia gostar dele, e um casal que eu adoro... se separou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário