30 de jul de 2015

(Comemoração) J.K.Rowling completando 50 anos.

(Comemoração)


J.k.Rowling completando 50 anos

   Como todos sabem, e mesmo aos que não sabem, J.K.Rowling é minha, e de milhares de outras pessoas, autora favorita.
E hoje, ela está completando cinquenta anos. E jamais, deixaria passar em branco, uma data tão importante, que, além de aniversário dela, também é de Harry Potter, a melhor e maior obra já criada.

Vamos conhecer um pouco mais de J.K.Rowling?


Joanne Rowling foi criada em um subúrbio da Inglaterra. Primeiro em Yate, perto de Bristol, depois alguns quilômetros além, em Wintersbourne. A casa tinha até um armário debaixo da escada, mas diferente de Harry, Jo não dormia lá.
A família passou dificuldades na infância. Jo e Di Rowling, sua irmã. O relacionamento com o pai não era um dos melhores, mas ao mesmo tempo Jo sempre quis agradá-lo. Seus pais à disseram que, a ter, foi uma surpresa, e que esperavam um menino. Já tinham até escolhido um nome: Simon John. J.K.Rowling, se homem, teria esse nome.
Quando Jo tinha 9 anos, a família se mudou para uma vila, perto da fronteira da Floresta do Dean.

"Florestas me atraem muito. É minha parte preferida dos terrenos de Hogwarts " -ela diz.


Também já morou ao lado de um cemitério. Di e Jo, ganhavam dinheiro extra como faxineiras em meio período na igreja St. Luke.

"Fazia muito frio. Por uma libra. É triste." -Ela diz.


A religiosidade de Jo foi testada quando sua mãe foi diagnóstica com esclerose multipla, em 1980. Jo tinha somente 15 anos na época. A doença causou grande impacto,  em ambas, pois achavam o pai uma pessoa difícil.

"Um motivo pelos quais Harry Potter está cheio de figuras paternas idealizadas. Hagrid, Dumbledore e Sirius Black..."


Ann Rowling (a mãe) morreu em 1990, apesar que Jo estivesse escrevendo sobre Harry Potter seis meses antes de sua morte, sua mãe nada soubera. Jamais pode imaginar o sucesso que sua filha seria. A morte da mãe, influenciou muito nos livros de Jo.

"De várias formas, toda série Harry Potter era uma tentativa de recuperar a infância."


Jo, a pedido de seu pai, não foi ao velório, tampouco ao enterro da mãe. Não a vira, nem se despedira, como fazemos, seu último contato com a mãe, foi por telefonema, onde Jo diz, que se arrepende de não ter ficado mais tempo ao telefone com sua mãe. Seu pai achou melhor evitar olhá-la, talvez acreditasse que seria mais fácil.

"Acho que a verdade é sempre mais fácil que a mentira ou a evasão. Mais fácil de lidar. Mais fácil de se conformar. " -Jo diz.


Depois da morte da mãe, Jo se mudou para Portugal, para ensinar Inglês aos estrangeiros. Ela se casou com Jorge Arantes, um jornalista de televisão, e juntos tiveram uma filha, Jessica. Mas o casamento acabou dois anos depois.
Jo entrou em depressão.

"Ficamos duras mesmo, só não éramos sem-teto. Ou seja, estávamos vivendo totalmente de favor." -Jo diz.


(A depressão de Jo, inspirou os Dementadores, em Harry Potter.)
Anos mais tarde,  Jo casou novamente, com Neil, que é médico, em 2001, e tiveram dois filhos: David e Mackenzie.
Apesar de Harry Potter se passar num mundo fantasioso, está cheia de sofrimento e dilemas da vida real.
(Jo foi recusada por 12 editoras, que, não quiseram publicar Harry Potter, por acharem que não faria sucesso, hoje, o arrependimento deve as consumir.)
Anos mais tarde, conhecida mundialmente, Jo, que, com seus livros, superou em dinheiro a rainha da Inglaterra, Elizabeth 2°. Mas, Jo já doou milhares de libras para instituições, e pessoas que a pediam por carta, pois Jo nunca esqueceu, como é difícil viver na pobreza. Jo criou um fundo de caridade, para doar mais e mais à instituições de causas de exclusão social, pobreza, e outras.
("Animais Fantásticos e Onde Habitam" e "Quadribol através dos séculos", livros da autora, relacionados ao mundo de Harry Potter, e as arrecadações da venda desses livros, foi doada à projetos de ajuda às populações mais pobres, nos países mais carentes do mundo. E "Os contos de Beedle, O Bardo", teve um percentual de dinheiro doado à Children's High Level Group, que faz campanhas para promover os direitos das crianças e melhorar a vida dos jovens em condições precárias. )
Claro que J.K.Rowling não escreveu somente Harry Potter, mas, como hoje é aniversário dela E o de Harry, decidi falar somente de Harry Potter, mas, amo todos os outros livros da autora.

Opinião sobre J.K.Rowling




Tem como não amar e admirar essa mulher? Depois de tudo o que ela passou, dificuldades não somente em publicar seus livros, mas também na sua vida pessoal. Pobreza. Depressão. Necessidade. Para mim, e para vários outros, J.K.Rowling abriu as portas da leitura. Seus livros incentivaram milhões de pessoas à ler. E posso dizer que, os livros dela me ajudaram em uma fase muito ruim da minha vida, onde nada dava certo, a confusão na cabeça era rotina, mas as coisas mudaram com Harry Potter. As pessoas que leram, segundo pesquisas, melhoraram. Não emocionalmente, mas também em caráter, os livros transformaram muitas pessoas, passaram várias coisas boas, vários ensinamentos e lições que levaremos para o resto da vida. Espero que essa mulher seja muito feliz, e que possa viver até os trezentos anos, e que antes de morrermos, eu e ela, que nos conheçamos, para dizer à ela o quanto sou imensamente grato, por toda a aventura que ela me proporcionou.

E por fim...


E para encerramos o post, escolhi uma pergunta que James, o homem que a entrevistou fez.

"Como gostaria de ser lembrada?"


"Como alguém que fez o melhor possível com o talento que tinha."



E acredite, Jo, você será.

5 comentários:

  1. Minha autora e escritora favorita. Me deu esperança quando eu estava na pior. A única coisa que me ajudou quando eu estava depressiva foram as palavras/livros dela. Um exemplo de pessoa a ser seguida e admirada. Com certeza, será eternizada. 💖

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nos ajudou. Faço das suas as minhas palavras, J.K ficará eternizada. Mesmo depois de todo o tempo. E Sempre.

      Excluir
  2. Quer mesmo comentários?! Sem palavras, pq essa mulher arrasa e vc esta mais que de parabéns na postagem...

    ResponderExcluir